13 de julho de 2004

PRINCIPE " Principio e Fim "

A tua ausência,
Ainda que,
Por breves instantes,
Assalta a minha saudade.

Nas nuvens,
Que veem daí,
Escrevem teu nome.

As ondas ,
Na praia ,
Sussurram o teu nome.

No mar...
Os golfinhos,
Falam- me de ti,

Apaixonados
Pela tua doçura
Pela tua sensualidade,
Por ti.

Que bom seria sentir ,
O calor do teu colo,
A doçura do teu embalo,
O aconchego do teu peito.

No Início....
És a minha musa inspiradora .

No fim...
Anseio que sejas...
O meu porto de abrigo.

Que uma vaga serena te embale
Princesa!


PRINCIPE

2 comentários:

  1. Quem escreveu, está obviamente apaixonado.
    E escreveu muitissimo bem.
    Gostei dalgumas figuras criadas no poema.
    O todo resulta na harmonia da perfeição.
    A ti, a quem tenho uma amizade pura, deixo-te um beijito Isabel.

    ResponderEliminar
  2. Nada do que é importante se perde jamais...
    LLM

    ResponderEliminar