12 de julho de 2012

Amei Demais ....Joaquim Pessoa



Amei DemaisMadruguei demais. Fumei demais. Foram demais 
todas as coisas que na vida eu emprenhei. 
Vejo-as agora grávidas. Redondas. Coisas tais, 
como as tais coisas nas quais nunca pensei. 

Demais foram as sombras. Mais e mais. 
Cada vez mais ardentes as sombras que tirei 
do imenso mar de sol, sem praia ou cais, 
de onde parti sem saber por que embarquei. 

Amei demais. Sempre demais. E o que dei 
está espalhado pelos sítios onde vais 
e pelos anos longos, longos, que passei 

à procura de ti. De mim. De ninguém mais. 
E os milhares de versos que rasguei 
antes de ti, eram perfeitos. Mas banais. 

Joaquim Pessoa, in 'Ano Comum' 

2 comentários:

  1. Olá Isa!
    Lindo poema de bom gosto
    Parabéns pela escolha
    Abraços
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  2. AMEI DEMAIS ...TUDO POR AQUI INCLUSIVE O POEMA OS OLHOS DE ISA QUE SEI NÃO FOI FEITO PARA MIM MAIS MESMO ASSIM ME VI NELE ...PARABÉNS A ESTE BELO POETA QUE RESCREVE FANTASTICAMENTE BEM...ADOTEI OS OLHOS DE ISA POR QUE AMEI....PARABÉNS!

    ResponderEliminar