23 de agosto de 2007

CANTO DE AMOR DE UM JOVEM do livro * A ROSA DO MUNDO *

Cada vez que como, como a dor do teu amor.
Cada vez que tenho sono, sonho com o teu amor.
Cada vez que estou em casa deitado de costas,
estou deitado sobre a dor do teu amor.
Cada vez que ando, ponho o pé sobre a dor do teu amor.




Poema da América do Norte, Kwakiudes

Versão : Herberto Helder

11 comentários:

  1. Em primeiro lugaragradecer-te o post no meu blog Dizer também que o que aqui vi é divulgação de poesia de primeira, algo raro neste nosso país. Continua que eu também vou continuar enquanto houver estrada.

    Bj.

    ResponderEliminar
  2. Sonhar é próprio dos poetas que transformam os seus sentimentos empalavras cheias de harmonia e amor.
    bjs Zita

    ResponderEliminar
  3. O teu blogue é lindo. O poema um encanto.
    Obrigada pela visita,

    Beijinhos,

    Fany

    ResponderEliminar
  4. Parabéns pelo blog.

    è bom deitar cá para fora o que sentimos, mesmo quando outros o já tenham sentido anteriormente.


    Com a sua permisssão um bjs.

    ResponderEliminar
  5. Parabéns pelo blog.

    è bom deitar cá para fora o que sentimos, mesmo quando outros o já tenham sentido anteriormente.


    Com a sua permisssão um bjs.

    ResponderEliminar
  6. Isabel, voltei minha querida, fiquei muito feliz de o teu Pai ser da minha Ilha ou vice versa.

    Muitos beijinhos para o teu Pai também.

    Fany

    ResponderEliminar
  7. Obrigado pela visita ao cantinho dos aromas de Portugal.

    Um blogue belíssimo a constar dos meus links.

    Um abraço

    ResponderEliminar
  8. As manhãs vêm nas asas de um pássaro azul
    No canto de uma doce e suave brisa
    Desperto sol que no celeste viajou
    No vago que resta de uma noite de magia


    Bom fim de semana

    ResponderEliminar
  9. Sim sou da tua ilha...desta maravilhosa ilha...talvez já nos tenhamos cruzado...

    Beijinho

    ResponderEliminar
  10. Neste desfilar de poetas cativa o teu amor à poesia.

    Boa semana

    ResponderEliminar
  11. Devo dizer que faz parte do meu quotidiano visitar o seu blog diariamente porque me transporta ao meu mundo interior e me emociona. Obrigada por me proporcionar estas emoções tão fortes. Bem haja

    ResponderEliminar