9 de agosto de 2009

QUEM ÉS?... poema de Ângelo Gomes




És o sonho que se vislumbra ao longe
O mosteiro secreto onde habita o monge
A árida planície que é dura... que é mole,
Conforme as chuvas te fustiguem ou não...
És o som das palavras que me dão vida
O trautear da canção de urânio enriquecida...
Quem és tu? Serás a lua? Serás o sol?
Ou serás um enclave no meu coração?



Ângelo Gomes

1 comentário:

  1. Oi Isabel, fazia tempo que eu não visitava os amigos e hoje tomei vergonha na cara e vim dar um abraço e me deliciar com seus poemas que fazem tão bem a nossa alma e coração. Desculpe por não estar aqui mais vezes, mas estou 'quebrando' a cabeça para solucionar alguns probleminhas.
    Um grande beijo no seu coração, desse amigo do lado de cá rsrsrs.
    Alexandre

    ResponderEliminar