25 de setembro de 2009

ESPERO poema de Sophia de Mello Breyner Andersen




Espero sempre por ti o dia inteiro,
Quando na praia sobe, de cinza e oiro,
O nevoeiro
E há em todas as coisas o agoiro
De uma fantástica vinda.



Sophia de Mello Breyner

3 comentários:

  1. Palavras realmente lindas!

    abraços

    ResponderEliminar
  2. Profundo ,em abissal teu,emanastes vida e amor,amalgamado com o copydesck de dieu!
    afffmaria!

    viva la vida!

    ResponderEliminar