30 de janeiro de 2016



O grande poeta VICTOR CINTRA deixou-nos.
Fica o seu legado de poemas que permanecerão através dos tempos.
Partiu o amigo. Até um dia




Sinto crescer a vontade
De perceber se o que dizes,
Entre risadas felizes,
É ou não é a verdade,
Ou só disfarça deslizes.

Sinto crescer o desejo
De te cingir nos meus braços,
P'ra te prender com abraços,
E arrancar-te num beijo
Todos os teus embraraços.

Sinto crescer a ideia
De que, bem mais do que mostras,
São bem reais as propostas
Duma visão que incendeia
Esse viver, de que gostas.





VITOR CINTRA

Sem comentários:

Enviar um comentário